Category Archives: Notícias da Tribo de Exploradores

Expedição de Natal 2019 – Tribo Lusitanos

Neste Natal a Tribo de Exploradores foi até Óbidos para explorar as suas raízes Celtas e testar os seus conhecimentos de sobrevivência e cozinha de campo. Infelizmente, a tempestade Elsa prejudicou-nos o programa inicial, mas nem por isso o ânimo e a vontade de continuar abalou a Tribo. Aproveitámos para explorar a vila de Óbidos conhecendo ao pormenor as suas ruelas e recantos e deixando-nos encantar pelas paisagens envolventes. No fundo, a Elsa fez-nos mais fortes e unidos.

Peddy Paper – Tribo de Exploradores

O período Heian voltou a ganhar vida no fim de semana do Dia do Pai, com um Peddy Paper organizado pela Tribo Kazakh! Cada equipa teve que mostrar as suas habilidades samurais para conseguir ser eleita a governadora desta época. Para tal, tiveram de superar os adversários em cada desafio, entre eles rappel, tiro com arco, desenho, técnicas de campo e dança! Depois de muito suspense, hoje é o dia em que lançamos os grandes resultados finais – estas pontuações são o somatório das respostas dadas nos roadbooks juntamente com a pontuação dos postos.
Antes de anunciarmos a equipa vencedora, gostaríamos de agradecer (arigatô!!!) a todas as equipas pela participação. Esperamos por vocês numa próxima actividade!
E agora os vencedores! A família que irá governar este período é… (rufos de tambores)

– COSTA MOREIRA GONÇALVES – 270 PONTOS!!!
– Dream Team – 263 pontos
– Alice Team – 260 pontos
4º – Kreutz Team – 255 pontos
5º – Magalhães Team – 252 pontos
– Grupo Xilofone – 251 pontos
– Team Massano – 243 pontos
– Guerra Cruz Team – 210 pontos

BRAVOOOOO a todas as equipas e esperamos pela equipa vencedora para entregar o grande prémio!

Tribo Kazakh – Expedição de Páscoa 2015

A Tribo Kazakh realizou a sua Expedição de Páscoa entre os dias 24 e 28 de Março, tendo percorrido uns vastos 101 km por montes Alentejanos, mais concretamente na zona entre Serpa e Mértola. Em seguida vem a experiência contada por eles nesta aventura.

“Passámos por várias aldeias como Vila Nova de S. Bento, Corte de Pinto, Mina de S. Domingos, onde tomámos banho numa barragem. Passámos por uma aldeia chamada Sapos, onde fomos bastante bem recebidos e até nos ofereceram o jantar.
No último dia dormimos junto ao Rio Guadiana, em que só este nos separava do ponto final, Mértola. De manhã, acabámos o nosso grande desafio da Expedição, reconquistar o território Alentejano que estava ocupado pelos Árabes (parte da mística).
Como não podia deixar de ser, tomámos um belo banho no Guadiana e em seguida para celebrar toda esta actividade, comemos o belo do bitoque em Mértola.”

Toda esta foi a experiência da Tribo, que por entre Montes, Propriedades, Raids à torreira do sol, Raids em que a Lua era a única luz que os guiava, Vales… (sim, o Alentejo tem bastantes vales, a “história” do Alentejo ser “plano” é mito!).

Esta aventura só existiu porque foi partilhada por todos os que foram e é disto que o escotismo é feito…partilha!

Um obrigado a todos os que nos ajudaram por entre terras Alentejanas.

Ficam então aqui algumas fotos para mostrar um pouco de como foi a Expedição.